contato@manstrategy.com
(11) 99961-1313

Metodologia Antiga: a fonte de inspiração para o gestor de pessoas de sua empresa

Em uma recente discussão sobre modelos de gestão, um de meus interlocutores lançou fez um comentário que criou um debate sobre teorias e a ‘vida como ela é’!

  O comentário foi: “...ah meu caro, como são perfeitas as pessoas que conhecemos mal!...”. Esse comentário se desdobrou em uma conversa profunda sobre as mazelas da liderança inspiradora, suas teorias perfeitas e os exemplos de ‘grandes’ líderes da história, ‘maiores líderes’ do ano, etc. Aliás essa foi uma crítica contundente na discussão em questão: os rótulos que se colocam em líderes de grandes organizações como se ‘caminhassem sobre as águas’ de tão perfeitos, sem que os conheçamos e tenhamos tido a chance de conviver com algum deles. Da mesma forma que um espirito de ‘adoração’ a imagens construídas pelo mundo corporativo existe, as críticas e julgamentos por comportamentos que ‘ouvimos falar’ ou por atos que soubemos que um deles fez nos assola e somos igualmente cruéis. Ou seja, falamos – bem ou mal – de líderes que sequer conhecemos ou temos informações sobre sua atuação como gestor de pessoas. Sim, gestor de pessoas, pois a gestão do negócio e seus resultados são menos complexas de serem verificadas! Mas se assumirmos que a única ‘coisa’ ainda não comoditizada no mundo corporativo somos você e eu, as pessoas que o compõe, precisamos focar naqueles que são os alicerces para se ter práticas de gestão de pessoas bem fundamentadas, funcionais e que façam sentido para o alcance dos resultados. O(a) responsável pela Área de Gestão de Pessoas. Daí uma pergunta cuja resposta só você poderá ter: o que inspira em seu Gestor de Pessoas? Ao analisar mais de 20 pesquisas sobre o tema e focar nos dados relacionados ao gestor de pessoas, encontramos algumas características e comportamentos que tendem a ser efetivos quando o tema é inspirar! São eles: (a) Não existe “tamanho único”. Ou seja, trate os diferentes de forma diferente. Para isso é crítico (b) conhecer sua equipe...de verdade! Passar tempo com eles individualmente. (c) Ter coerência! Toda vez que seu discurso divergir da sua prática, valerá o que você faz, por mais belo que seja o que você diz. (d) Humildade pedagógica! Ou seja, apetite constante para compartilhar o que sabe e perguntar sobre o que não sabe. E para encerrar essa ‘lista não exaustiva’, (e) reconhecer as conquistas, individuais e coletivas, aplicando o primeiro comportamento, ou seja, a coerência. Quando analiso essa compilação o que chama a atenção, é que estamos falando de questões básicas e simples. Não é uma metodologia inovadora de se trabalhar e relacionar-se! Não! É apenas colocar em prática as questões básicas da convivência humana dentro do corpo social chamado empresa para que as pessoas nos olhem, admirem e se inspirem. Quer ser alguém que inspire seu time e sua organização caro Gestor de Pessoas? Simples: pergunte e envolva sempre, fazendo a coisa certa, da forma certa, no momento certo no local certo! E o que é o “certo”, no seu caso, só você poderá responder!

 

Artigo originalmente publicado na Revista Melhor – Edição 354 – Junho/2017

Aligning for better results!

  • (11) 99961-1313
  • contato@manstrategy.com
  • Higienópolis
  • São Paulo - SP
  • CEP:01240-001